Danilo Cirino, ex-Luverdense, e Vinícius Oliveira, ex-Paulista, foram anunciados pelo NEA Salamis do Chipre

NEA Salamis se movimenta no mercado visando participar dos playoffs de título da Liga do Chipre na próxima temporada

Após o cancelamento da temporada 19/20 em decorrência da pandemia do novo coronavírus, o NEA Salamis escapou da disputa dos playoffs de rebaixamento da Liga do Chipre, e agora mira a classificação entre os 6 primeiros da Liga na temporada vindoura.

Com isso, eles anunciaram em suas redes sociais as contratações de Danilo Cirino, atacante experiente que se notabilizou no Zorya da Ucrânia, e Vinícius Oliveira, meia de 34 anos que fez grandes temporadas pelo APOEL.

Anúncio oficial da contratação de Danilo Cirino (Foto: Divulgação/NEA Salamis)

Danilo Cirino tem 33 anos e desde 2007 não atua no Brasil. Fora do país ele jogou por clubes no norte europeu como Kuban da Rússia e Zorya da Ucrânia, e também por alguns times da ásia como Dibba Al Fujairah dos Emirados Árabes e Chiangrai United da Tailândia. O último clube de Danilo antes de partir pro Chipre foi o Muaither SC de Doha, no Catar.

Vinicius Oliveira foi revelado pelo União São João, e passou por diversos times de Portugal, como Porto, Nacional da Ilha da Madeira e Braga, porém, ele se notabilizou bastante mesmo jogando pelo APOEL, onde chegou a travar belos confrontos com o Real Madrid na Champions League. Após ter passado uma temporada no Irã, Vinícius estava no Olympiakos Nicosia do Chipre antes de partir para o NEA Salamis.