Valadares Gaia assina com duas brasileiras para a próxima temporada
Maike, a nova goleira do Valadares Gaia, da primeira divisão portuguesa feminina. Foto: Divulgação/Valadares Gaia)

A goleira Maike Weber e a lateral Rafaela Sudré são os novos reforços do Valadares Gaia, equipe da primeira divisão portuguesa feminina

E a primeira divisão feminina portuguesa vai contar com mais duas brasileiras para a próxima temporada: a goleira Maike Weber e a lateral Rafa Sudré, que estavam na segunda divisão, atuando pelo Paio Pires, acertaram nesta semana a transferência de Valadares Gaia, clube que terminou na sétima colocação da primeira divisão na temporada 2019/20, com 19 pontos conquistados em 15 jogos disputados, ao total foram 6 vitórias, 1 empate e 8 derrotas, marcando 24 gols e sofrendo 40.

A liga portuguesa é conhecida por ser uma das ligas com mais brasileiras na Europa, sendo um país sempre de “portas abertas” para receber brasileiras. Muito diferente de outras ligas europeias, que não possuem nem brasileiras em seu campeonato nacional.

O Valadares Gaia já possui 4 jogadoras no time: a defensora Ingryd Avancini, de 21 anos, a meio campista Raquel Domingues, de 20 anos e as atacantes Rosani, de 28 anos e Verena, de 24. Com a chegada de Maike e Rafaela, o time conta com 6 jogadoras brasileiras, até o momento, para a temporada 2020/21.

Tanto Maike quanto Rafaela  se transferiram para a liga portuguesa para o início da temporada de 2019/20, com a missão de fazer o Paio Pires conseguir o acesso para a primeira divisão portuguesa.

Conheça um pouco mais sobre os novos reforços do Valadares Gaia:

Maike Weber

Sobrinha da ex-goleira e atual treinadora de goleiras da base da seleção brasileira, defende a partir da próxima temporada as cores do Valadares Gaia, clube da primeira divisão feminina.
(Foto: Divulgação/cseplayers_oficial).

Nascida no dia 18 de Dezembro de 1992, a sobrinha de Maravilha, ex-goleira da seleção brasileira e atualmente treinadora de goleiras da seleção brasileira sub-17, herdou a profissão da tia e iniciou a sua trajetória  no futebol em 2014 pela Ferroviária.

Em 2015 foi para Santa Catarina, onde defendeu as cores do Kindermann, ganhando uma Copa do Brasil. Em 2016 defendeu dois clubes: o Flamengo, que não fez jogos e o Iranduba, no qual atuou por 10 jogos. Após uma nova passagem em 2017 pelo Flamengo, que atuou por apenas 1 jogo.

Já em 2018 foi para o Iranduba, onde faturou o campeonato amazonense, fazendo 16 jogos pela equipe. Em 2019, após poucas chances no Iranduba, foi para o Paio Pires, atuando por seis jogos na temporada 2019/20, sendo todos eles pela segunda divisão portuguesa, sofrendo 5 gols.

 

Rafaela Sudré

 

Rafaela Sudré, o mais novo refotço para a defesa do Valadares Gaia.
(Foto: Divulgação/cseplayers_oficial)

Nascida na cidade de São Paulo no dia 09 de dezembro de 1993, a defensora de 26 anos iniciou a sua trajetória defendendo as cores do tradicional Atlético Clube Juventus, tradicional equipe paulista do futebol feminino. Na última temporada se transferiu para o Paio Pires, da segunda divisão portuguesa, atuando em 16 jogos (12 pela segunda liga portuguesa e 4 pela Taça Portugal),marcando 11 gols. Além de ser uma boa lateral, ela pode atuar pelos lados, sendo uma jogadora polivalente e que pode ser bem decisiva e com boa finalização.

Em entrevista para as redes sociais do Valadares Gaia, Rafa Sudré diz que estar na primeira divisão portuguesa é a oportunidade de ser reconhecida: “Aqui eu vejo a oportunidade de ser reconhecida, fazer história, viver a tradição e mostrar o meu talento na primeira divisão”.

Valadares Gaia

Fundado em 17 de Junho de 2011, o Valadares Gaia futebol clube é um clube que atua na primeira divisão feminina que está localizado na região de Vila Nova de Gaia, distrito do Porto. O atual presidente da equipe é José Manuel Soares e os jogos são disputados no Complexo Desportivo de Valadares , com capacidade para 750 torcedores.