Ex-Ceará, Eduardo Mancha faz história no Farense; Wagner, ex-Rio Claro, marca contra antigo clube e dá a vitória ao Penafiel. Confira o que rolou no futebol Português
Eduardo Mancha jogando pelo Farense (FOTO: Divulgação/ Instagram Eduardo Mancha)

O futebol português assistiu nos últimos dias a sétima rodada da Primeira Liga e a nona rodada da Segunda Divisão. Na elite, podemos destacar a vitória histórica do Farense após 18 anos, com participação do zagueiro brasileiro Eduardo Mancha. Em um dos jogos mais curiosos da rodada, Rodrigão marcou para o Gil Vicente, porém viu sua equipe perder dois pênaltis e tomar a virada no último lance do jogo contra o Nacional. Na segunda divisão, o tivemos “lei do ex”, com Wagner garantindo a vitória do Penafiel diante do Chaves. Confira mais detalhes de tudo que rolou abaixo.

Primeira Liga

Nacional 2 x 1 Gil Vicente

O Gil Vicente teve todas as chances do mundo de sair do Estádio da Madeira com os três pontos, porém não sou aproveitá-las. Melhor para o Nacional, que conseguiu a vitória de virada e agora ocupa a quinta colocação, com10 pontos. Já o Gil Vicente, pode comemorar o gol do brasileiro Rodrigo, porém o resultado não era aquilo que a torcida esperava, ainda mais depois de ver dois pênaltis desperdiçados ainda no primeiro tempo. Sem vencer desde a primeira rodada e com quatro derrotas seguidas, a equipe amarga a penúltima colocação da tabela, com 5 pontos.

Mesmo atuando como visitante, o Gil Vicente teve dois momentos bons na partida. Aos 23 minutos, Talocha perdeu o primeiro penalti e aos 45, o brasileiro Lucas Mineiro perdeu o segundo. Mesmo com todo esse fator negativo, a equipe conseguiu abrir o placar antes do intervalo, com Rodrigão, aos 49. Primeiro gol do zagueiro na temporada. No segundo tempo, entretanto, o Nacional foi pra cima e empatou aos 11 minutos, com Camacho. E para trazer mais dramaticidade para a situação dos Gilistas, Bryan Rochez marcou o gol da virada aos 48 minutos, no apagar das luzes.

Veja os melhores momentos:

Rodrigão tem 25 anos e foi revelado pelo Atlético-MG. Passou por diversas equipes mineiras como Ipatinga, Caldense, Coimbra e Boa Esporte. Antes de se transferir para o Gil Vicente, onde tem 3 gols em 26 oportunidades, atuou pela Ferroviária.

Farense 3 x 1 Boavista

Quem se deu bem nesta rodada foi o brasileiro Eduardo Mancha, que participou de um feito histórico. O zagueiro marcou um dos gols que ajudaram sua equipe, o Farense, a conquistar a primeira vitória no campeonato Português após 18 anos. Com os 3 pontos, a equipe deixou a última colocação e agora é a décima sexta colocada, com 5 pontos. O Boavista por sua vez é o 15º, com 6 pontos conquistados.

Os donos da casa foram melhores desde o inicio da partida e marcaram primeiro, logo aos 22 minutos, com Ryan Gauld. O empate da equipe visitante veio aos 43 minutos, com Angel Gomes. No segundo tempo, porém, a equipe da casa mostrou que estava com vontade de fazer história. Aos cinco minutos, Stojiilkovic tirou o empate do placar e quatro minutos mais tarde, Mancha fechou o placar e deu a vitória histórica para o Farense.

Assista os lances:

Revelado pelo Ceará, Eduardo Mancha é um zagueiro de 24 anos. Além de seu clube de formação, o atleta já atuou por Jabaquara, Guarani-MG, Birkirkara e Machine Sazi antes de se transferir para o Farense, onde tem dois gols em quatro partidas.

Segunda Liga

Feirense 0 x 1 Arouca

A equipe do Arouca visitou a Feirense no estádio Marcolino de Castro e deixou o campo com o resultado positivo. O gol da vitória foi marcado por Heliardo, atacante brasileiro de 28 anos. A vitória leva a equipe aos 16 pontos no torneio, ocupando a quinta posição. Já a Feirense se mantém com 17 pontos, ocupando o quarto lugar.

O jogo foi marcado pelo equilíbrio entre as duas equipes e um primeiro tempo repleto de cartões amarelos. Foram 5 apenas na primeira parte. Porém, no segundo tempo, o empate saiu do placar. Aos 28 minutos, Heliardo aproveitou rápido contra-ataque e marcou o único gol da partida. Foi o primeiro gol do atacante nesta temporada.

Heliardo, ou simplesmente Eli, nasceu em Iporã. Atuou nas categorias de base do Internacional e atuou profissionalmente nas equipes do Pelotas, Oeste, Esportivo, São Jose-RS e Joinville. Em Portugal, além do Arouca, clube onde já fez 9 partidas e marcou dois gols, vestiu a camisa do Tondela também.

Casa Pia 0 x 1 Covilha

O Covilha foi o vencedor do confronto diante da equipe do Casa Pia, mesmo atuando fora de casa. A vitória (terceira consecutiva) veio graças ao gol do atacante brasileiro Gleison, de 25 anos e o resultado coloca sua equipe na sétima posição com 14 pontos; por outro lado, o Casa Pia, vive momento inverso, não vence há três partidas e estacionou nos 10 pontos, ocupando a décima primeira posição.

O Covilha em todo momento foi mais presente no campo de ataque, porém não conseguiu materializar essa superioridade em gols no primeiro tempo. O gol finalmente saiu aos 26 minutos do segundo tempo, após um belo domingo no peito e forte arremate de Gleison. Foi o segundo gol de Gleison no torneio e com a camisa do Covilha.

O brasileiro construiu grande parte da sua carreira em Portugal. Em solo lusitano, atuou nas equipes do Portimonense, no Porto B, no Porto, na equipe do Paços Ferreira no Penafiel, além da sua atual equipe, o Covilha, na qual já fez 10 partidas. No Brasil, sua única equipe foi o Red Bull Brasil.

Porto B 1 x 2 Mafra

O Porto B segue na sua sequencia negativa de derrotas e o algoz da vez foi o líder, Mafra. Mesmo atuando em casa e jogando contra uma equipe que teve apenas 5 jogadores no banco de reservas por conta de um surto de Covid-19 no elenco, o time B do Porto foi superado por 2×1. De positivo, apenas o gol marcado pelo lateral brasileiro Carlos Gabriel (também chamado de Hulk, devido a grande semelhança física com o ex-atacante dos dragões). A derrota coloca o Porto B na décima quinta posição, com apenas sete pontos.

Desde o inicio, o Mafra teve mais posse de bola e mais espaço no campo ofensivo. Tal domínio foi transformado em gol aos 24 minutos, com o português Abel Camara. Após o gol, a equipe do Porto B se lançou ao ataque e conseguiu chegar ao empate com Carlos Gabriel, oito minutos depois. Foi o primeiro gol do novo “Hulk”com a camisa do Porto B, em sua oitava oportunidade na equipe. Após o empate o Porto B continuou a pressão em busca da virada, inclusive no segundo tempo, contudo, em um rápido contra-ataque, Abel Camara marcou seu segundo gol na partida e sacramentou mais uma derrota dos dragões no campeonato.

Confira os gols:

Carlos Gabriel esta tendo sua primeira experiência no exterior. No Brasil, o defensor de 21 anos revelado pelo Atlético-MG também atuou pelo Paraná antes de se transferir ao Porto B.

Vizela 2 x 1 Leixões

O Vizela reencontrou o caminho da vitória nesta rodada. Os donos da casa venceram o Leixões por 2×1 e encerram uma sequencia negativa de três derrotas consecutivas. Pelos lados do visitantes, a única alegria foi o gol do brasileiro Nene, veterano atacante de 37 anos, que infelizmente não evitou a derrota. Com o resultado positivo, o Leixões chegou ao décimo segundo lugar do torneio.

A equipe do Vizela fez um jogo seguro e dominou as ações desde o inicio do confronto. Curiosamente, todavia, o gol só saiu no fim do primeiro tempo, com Samu, aos 42 minutos. No segundo tempo, o domínio dos mandantes continuou e a equipe ampliou o placar aos 37 minutos, desta vez com Kouao. O gol de honra dos visitantes saiu apenas nos acréscimos da partida, aos 50, quando Nene diminuiu o placar. Foi o quarto gol do jogador com a camisa do Leixões. Infelizmente, não havia mais tempo para tentar algo mais na partida e a equipe do brasileiro saiu derrotada.

Anderson Miguel da Siulva, ou simplesmente Nene, tem uma carreira longa na Europa. Apesar disso, iniciou a carreira no São Bento, passou por Santa Cruz, Cruzeiro e Ipatinga. No Velho Continente, defendeu as equipes do Nacional, Cagliari, Hellas Verona, Spezia e Bari, antes de se juntar ao plantel dos Leixões.

Penafiel 1 x 0 Chaves

Na partida que fechou a nona rodada, o Penafiel venceu com um gol no apagar das luzes a equipe do Chaves. Wagner, que entrou no segundo tempo, precisou de apenas 5 minutos para dar a vitória aos mandantes. O resultado leva o Penafiel ao oitavo lugar, com 14 pontos; já a equipe do Chaves é a sexta, com 15.

Em um jogo bastante equilibrado, quem teve as melhores chances foi a equipe visitante. Para se ter uma ideia do domínio, no primeiro tempo, a equipe do Penafiel não teve nenhuma finalização. No segundo tempo, as coisas se equilibraram um pouco mais, porém o empate parecia que iria permanecer até o final. Contudo, o atacante Wagner estava disposto a mudar o panorama da partida e aos 44 minutos marcou o gol que deu a vitória para sua equipe. Foi o terceiro gol dele em 9 jogos nesta temporada.

Wagner nasceu em São José dos Campos, tem 33 anos e chegou nesta temporada ao Penafiel. Sua primeira equipe foi o Rio Claro e após isso nunca mais vestiu a camisa de uma equipe brasileira. Pelo mundo, jogou nas equipes do Aliados Lordelo, Moreirense, Nacional, Tondela, Paços Ferreira, Chaves, Thai Honda FC e Zawisza.